Quem se planeja, sempre está um passo a frente dos imprevistos que podem acontecer durante a vida. Quando o assunto é financeiro, a organização e a economia falam ainda mais alto, já que é essencial ter uma reserva de emergência para suprir as necessidades, caso algo atípico aconteça.

No post de hoje, você vai entender melhor a importância de se ter uma reserva financeira para sua vida. Além disso, vamos dar algumas dicas para que você possa começar a fazer sua reserva. Acompanhe!

O que é uma reserva de emergência?

A reserva de emergência, também conhecida como fundo de emergência, é um tipo de investimento. É uma quantia que guardamos para evitar que gastos imprevistos afetem a sua receita mensal. Como por exemplo: uma despesa médica, um problema no carro ou até uma situação de desemprego são situações nas quais uma reserva de emergência pode ser muito útil e salvar você de ter que fazer um empréstimo no banco.

Quanto dinheiro deve haver nessa reserva de emergência?

Não há um valor estipulado para se ter na reserva de emergência. O ideal é fazer um plano para economizar, considerando um valor que possa cobrir desde pequenas ocorrências até os gastos mensais da família, caso imprevistos ocorram.

A conta pode ser feita da seguinte maneira, calcule um valor equivalente a 6 salários seus ou a renda da família toda. Também planeje uma maneira de chegar até essa meta para que sua reserva consiga suprir as necessidades familiares durante algum tempo.

Como planejar e economizar?

Organize suas finanças para a reserva de emergência

Depois de estabelecer uma meta para o fundo de emergência, é hora de saber em quanto tempo você e sua família vão conseguir alcançá-la. Para isso, é preciso organizar todos os gastos e ganhos de todos da casa. É necessário para saber quanto será possível salvar no final do mês.

Ao colocar os gastos e ganhos no papel, fica mais fácil saber como economizar. Passamos identificar o que pode ser cortado dos gastos mensais, quanto é possível salvar.

Estabeleça uma meta para guardar

Colocar os gastos no papel dá uma visão diferente e mais ampla da situação financeira da família. Por isso, a partir da organização financeira, você pode estabelecer uma meta para economizar a cada mês.

É importante, aqui, propor números realistas, que podem ser conquistadas por todos que tenham renda dentro da casa. Assim, é mais fácil atingir seus objetivos. Além de evitar frustrações caso a meta seja fora da realidade.

Escolha um bom fundo para investir seu dinheiro

Uma boa forma de fazer seu dinheiro render é escolher um fundo de investimento seguro e confiável para armazená-lo. Converse com seu gerente em um de nossos postos de atendimento, entenda as opções, quais são seus riscos e porcentagem de renda mensal. Assim, você terá dinheiro para reservas de emergência coerentes a sua realidade e ainda tem uma renda extra no final do mês.

Ter uma reserva de emergência é um ato de responsabilidade e precisa de planejamento e organização. Apesar de não pretender usar, é tranquilizante saber que, caso algo aconteça, você e sua família têm onde recorrer.

Gostou do conteúdo? Curta nossa página no Facebook e fique por dentro de todas as nossas novidades!